2021_pt

Concreto autoadensável: benefícios e utilizações 

 

Saiba mais sobre o concreto autoadensável, material que traz mais resistência e redução de prazos para o setor de construção civil. 

 

O concreto autoadensável é aquele que tem a capacidade de fluir com o seu próprio peso, de preencher completamente o espaço ou a fôrma e de produzir um material denso e adequadamente homogêneo sem a necessidade de compactação vibratória.  

Mas como o concreto autoadensável é feito e por que o seu uso aumenta a cada dia no setor de construção civil? É o que explicaremos ao longo deste artigo. Continue a leitura para descobrir! 

 

Concreto autoadensável: invenção e produção 

O concreto autoadensável foi inventado por cientistas japoneses na década de 1980. E foi nesse país que o material ganhou o seu primeiro grande teste: a construção de uma ponte com quase 4 km de extensão entre as ilhas de Awaji e Kobe.   

A ponte Akashi-Kaikyo, como ficou conhecida, foi inaugurada em 1998 e utilizou concreto autoadensável como o seu principal material. O resultado foi uma estrutura altamente resistente (ela está construída em uma região com fortes abalos sísmicos) e a construção do maior vão suspenso do mundo (possui um vão livre com 1991m).  

Mas o que faz do concreto autoadensável a escolha certa para empreendimentos tão sofisticados? Existem duas características principais que o diferenciam do concreto comum, sendo: 

  1. Capacidade de preencher os espaços (dentro de uma fôrma), sem nenhuma intervenção mecânica;  
  2. Resistência à segregação, o que permite que o material preencha esses espaços sem que os seus elementos constituintes se separem.  

 

Bernardo Tutikian, professor da Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos), explica que a capacidade de adensamento do material ocorre por meio do seu próprio peso, o que elimina a necessidade de vibração para "modelá-lo". 

Os materiais para a composição do concreto autoadensável são os mesmos do concreto tradicional: cimento, areia, brita, água, adições e aditivos químicos. É nas quantidades de cada item que as suas características são criadas. 

Leia mais: Os diferentes tipos de brita e as suas utilidades 

Enquanto o concreto tradicional possui uma quantidade maior de agregados graúdos, o autoadensável prioriza os agregados finos, o que melhora as suas propriedades, como a coesão da pasta e a resistência.  

Além disso, a utilização de aditivos químicos e sílica ativa garantem maior capacidade de espalhamento do concreto (sem prejudicar a sua resistência) e reduzem a sua porosidade. 

 

Benefícios do concreto autoadensável e barreiras para a sua ampla utilização 

Tutikian afirma que as vantagens do uso do concreto autoadensável para a construção civil são muitas: "Podemos citar a redução da mão de obra de vibração e espalhamento do concreto, redução de ruídos, maior segurança do trabalho, melhor acabamento da estrutura e maior durabilidade das peças de concreto", diz.  

Como o concreto autoadensável não exige o uso de força mecânica para ser moldado — reduzindo, assim, o tempo da construção e a mão de obra necessária —, o material passou a ser muito utilizado na indústria de pré-fabricados, famosa por buscar tecnologias e processos que acelerem as etapas de um projeto.  

Mas não é só a indústria de pré-fabricados que pode colher os benefícios do uso do concreto autoadensável. O material é indicado em todo tipo de projeto, especialmente para a construção de: 

  •  Estruturas com distribuições de reforço complexas; 
  • Fundações de tubulões e estacas; 
  • Colunas e paredes de concreto; 
  • Sistemas de retenção de terra; 
  • Retrofit e reparação; 
  • Poços perfurados.  

 

No entanto, apesar dos claros benefícios, Tutikian aponta que ainda existem barreiras para a ampla utilização do material: "A maior ainda é o desconhecimento dos profissionais tomadores de decisão", opina.  

Um dos movimentos na direção de superar essa barreira foi a revisão da norma ABNT NBR 15823 — Concreto Autoadensável, da qual o professor da Unisinos fez parte. O objetivo foi mostrar as oportunidades para o uso dessa alternativa.  

Com a nova norma já publicada, espera-se que o concreto autoadensável ganhe competitividade frente ao concreto tradicional, especialmente se considerarmos que se trata de um material mais sustentável — uma das premissas mais buscadas por empresas de construção nos últimos tempos.  

Para ficar atualizado sobre as principais novidades em materiais de construção, assine a nossa newsletter e receba conteúdos como este diretamente no seu e-mail! Acompanhe também as redes sociais da Concrete Show para ficar por dentro de outras informações.